Ambulatório Integrado dos Transtornos do Impulso

Transtorno do Jogo
Por definição o jogo de azar envolve apostas, o que significa empenhar um bem ou valor financeiro na previsão de um evento futuro, para o qual o resultado não depende das ações de quem apostou.

Desde a sua inclusão na terceira edição do DSM, o Dependência de Jogo foi classificado entre os “Transtornos do Controle dos Impulsos Não Classificados em Outro Local”, devido ao seu caráter impulsivo, porém na quinta e última edição deste manual, a síndrome foi renomeada par Transtorno do Jogo (TJ) e reclassificado como dependência, em virtude do compartilhamento de várias características com as dependências de substância, incluindo fatores genéticos, epidemiológicos, comorbidades psiquiátricas, psicopatologia e resposta terapêutica.

 

Critérios diagnósticos segundo o DSM-5

A. Comportamento de jogo problemático persistente e recorrente levando a prejuízo ou sofrimento clinicamente significativo, conforme indicado pelo indivíduo exibindo quatro critérios (ou mais) num período de 12 meses:
1. Necessidades de jogar com quantidades crescentes de dinheiro, a fim de obter a excitação desejada.
2. É agitado ou irritado quando tenta diminuir ou parar de jogar.
3. Tem feito repetidos esforços infrutíferos para controlar, diminuir ou parar de jogar.
4. É muitas vezes preocupado com o jogo (por exemplo, ter pensamentos persistentes de reviver experiências de jogo passadas, fragilizando-se ou ao planejar a próxima aventura, pensando em maneiras de obter dinheiro para jogar).
5. Muitas vezes, quando joga sente-se angustiado (por exemplo, impotente, culpado, ansioso, deprimido).
6. Depois de perder dinheiro no jogo, frequentemente volta outro dia para recuperar perdas.
7. Mente para esconder a extensão do envolvimento com jogos de azar.
8. Colocou em risco ou perdeu um relacionamento significativo, emprego ou oportunidade de educação ou carreira por causa do jogo.
9. Depende de outros para prover dinheiro para reviver situação financeira desesperadora causada pelo jogo.

B. O comportamento de jogo não é melhor explicado por um episódio maníaco.


Transtorno do jogo é caracterizado por:

  • Perda de controle se revela no gasto de tempo dinheiro acima do pretendido e pelas tentativas infrutíferas de moderar o jogo.
  • Jogo é uma atividade estimulante do SNC, sua prática recorrente se assemelha aos relatos de tolerância e abstinência descritos nas dependências em geral (sensação de inquietação e angústia e desatenção quando impedido de apostar)
  • As consequências negativas mais comumente relatados são endividamento, brigas familiares, desemprego ou falha acadêmica, envolvimento em atividades ilegais e tentativas de suicídio.

  • Tipos de tratamentos oferecidos pelo PRO-AMJO / IPq-HC-FMUSP:

  • Acompanhamento médico psiquiátrico individual.
  • Terapia individual e em Grupo de apoio na abordagem cognitivo-comportamental.
  • Terapia individual e em Grupo de apoio na abordagem psicodinâmica.
  • Terapia de casal e família.
  • Grupo de Atividade física.
  • Grupo de Meditação.
  • Grupo de recaídos.
  • Grupo de Qualidade de vida.
  • Auxilio a organização das finanças pessoais e das dívidas.
  • Grupo de manutenção para os pacientes após o término da terapia de apoio.

  • Abaixo você verá algumas situações que podem ocorrer ao longo da vida de qualquer jogador, sendo ele patológico ou não. Basta ler cada pergunta, responder SIM ou NÃO para o comportamento perguntado e, ao final, clicar no botão "Enviar resposta". Caso responda sim para cinco ou mais questões recomendamos que entre em contato conosco pelos telefones (11) 26617805 ou (11)23077805 e no email proamjo.secretaria@gmail.com.

    É importante que você seja sincero em suas respostas, e que elas sejam embasadas nas suas sensações e percepções (e não de outras pessoas).

    1 – Quando você joga, você volta um outro dia para recuperar o que perdeu? (a maioria das vezes ou sempre)
    2 – Você já afirmou estar ganhando dinheiro com o jogo sem realmente estar, quando na verdade, você estava perdendo?
    3 – Você já jogou mais do que pretendia?
    4 – Pessoas já criticaram seu hábito de jogar?
    5 – Você já se sentiu culpado pela forma como você joga ou devido às consequências do seu jogo?
    6 – Você já quis parar de jogar, mas achou que não conseguiria?
    7 – Você já escondeu comprovante de aposta, cartão de loteria, dinheiro de jogo ou outros sinais de jogo da sua esposa, filhos ou outra pessoa importante para você ?
    8 – Você já discutiu com as pessoas com quem você mora a respeito de como administra seu dinheiro? (Se a resposta for “não” vá para a questão 9). Se “sim”, as discussões sobre dinheiro foram alguma vez a respeito do seu hábito de jogar ?
    9 – Você já perdeu tempo de trabalho ou estudo devido ao jogo?
    10. Você já emprestou dinheiro de alguém e não pagou devido ao seu hábito de jogar ?
    11. Você já emprestou dinheiro para jogar ou para pagar dívida de jogo do orçamento doméstico?
    12. você já emprestou dinheiro para jogar ou para pagar dívida de jogo da sua esposa (ou do seu esposo)?
    13. Você já emprestou dinheiro para jogar ou para pagar dívida de jogo de outras pessoas da família?
    14. Você já emprestou dinheiro para jogar ou para pagar dívida de jogo de bancos, companhias de empréstimo ou companhia de crédito?
    15. Você já pegou dinheiro no cartão de crédito para jogar ou pagar dívidas de jogo?
    16. Você já emprestou dinheiro de agiotas para jogar ou pagar dívidas de jogo?
    17. Você já trocou ações, apólices ou outros títulos por dinheiro para jogar ou pagar dívidas de jogo?
    18. Você vendeu propriedade pessoal ou da família para obter dinheiro para o jogo?
    19. Você já usou cheque especial ou cheque sem fundo para jogar ou pagar dívidas de jogo?
    20. Você acredita que alguma vez já teve um problema com jogo?


    Recomendamos ainda uma visita ao site http://www.virajogo.org.br/ de apoio ao jogador, que pode auxiliá-lo em possíveis dúvidas sobre Transtono do Jogo, tratamento, apoio ao jogador, familiar ou profissional de saúde. Ou acesse o Facebook para nos seguir e obter maiores informações (https://www.facebook.com/PROAMJO/ e https://www.facebook.com/viraojogo/.



    (C) 2015 AMITI - Ambulatório Integrado dos Transtornos do Impulso - Todos os direitos reservados.